domingo, 19 de fevereiro de 2006

Sem Comentários!

"Cerca de 9 mil homens nús, empurram-se uns aos outros, para tentar apanhar um «Shingi», um pedaço de madeira conhecido na religião budista por «pau da sorte». Os pedaços de madeira foram atirados ao vento à meia-noite do templo budista Saidaiji Kannonin, em Okayawa, no Japão. A tradição tem mais de 500 anos e acredita-se que quem conseguir levar para casa um «Shingi» terá sorte o ano inteiro."

in "Expresso"

7 comentários:

de la Serna disse...

Faz-me lembrar uma trasladação qualquer e umas pessoas que queriam tocar no sítio onde a urna foi pousada... para ter sorte para o quotidiano... Faz um post acerca de rituais voodoo e constatarás que a essência é a mesma, a exteriorização dessa mesma é que diverge de cultura para cultura. E ainda falam do peso da reflexão teleológica/filosófica no seio das religiões...

HMAG disse...

o que aqui quis expor não foi uma repugnação ás crenças deles, mas sim o caricato do facto de 9 mil homens disputarem um pau ... Mas quanto á crença em si ... Não conhecendo, pelo menos ... respeito!

de la Serna disse...

É esse mesmo caricato ao qual eu me refiro. Sendo que para a cultura deles isso não é caricato, o que se passa na nossa, aos olhos deles também pode ser caricato.

HMAG disse...

Pode ser caricato aos olhos deles e isso não é de censurar desde que respeitem a fé e a crença das pessoas... fé e crenças que desconhecem... diferentes das suas!

de la Serna disse...

Evidentemente

HMAG disse...

Logo, quem desconhece a Fé as Crenças das pessoas que se juntaram para assistir à transladação dos restos mortais da irmã Lúcia deve respeitar e não criticar!

Era aqui que queria chegar, mas só depois do teu comentário pois, felizmente, quando estava a postar não me passou nada disto pela cabeça!

Pestana disse...

no meio de 9 mil homens nus, qual a probabilidade de se encontrar um Rôto??? é k ali corre-s o risco de "ao ir atrás do pau", ainda se leva é "com o pau por trás...", e isso nao é bom...